Om mani padme hum

 

14,90

Om mani padme hum é um dos mantras do budismo; o mantra de seis sílabas do Bodisatva da compaixão: Avalokiteshvara. De origem indiana, de lá foi para o Tibete. O mantra é associado ao Deus de 4 braços Shadakshari, uma das formas de Avalokiteshvara.

Em praticamente todos os stupa (templo budista) no Nepal,existem pares gigante de olhos fora das quatro faces da torre principal. Estes são os olhos de Buda (também conhecidos como olhos de sabedoria),e olham para fora nas quatro direcções para simbolizar a omnisciência (que tudo vê) de um Buda. Os olhos de Buda são tão prevalecente em todo o país que se tornaram um símbolo do Nepal em si. Entre os olhos de Buda,onde o nariz seria um símbolo encaracolado que parece ponto de interrogação. Este é o carácter Nepali para o número 1,que simboliza a união de todas as coisas,bem como a uma maneira de alcançar a iluminação,através de ensinamentos do Buda. Acima disso há um terceiro olho,que simboliza a sabedoria que tudo vê do Buda.,

Qtd:
Guardar
Ref: NPTTPDRAOMMCAM. Category: .

Descrição

Om mani padme hum significa “da lama nasce a flor de lótus” é um dos mantras do budismo; o mantra de seis sílabas do Bodisatva da compaixão: Avalokiteshvara. De origem indiana, de lá foi para o Tibete. O mantra é associado ao deus de 4 braços Shadakshari, uma das formas de Avalokiteshvara.
É o mantra mais entoado pelos budistas tibetanos.
Om mani padme hum
• Om fecha a porta para o sofrimento de renascer no reino dos deuses. O sofrimento do reino dos deuses surge da previsão da própria queda do reino dos deuses (isto é, de morrerem e renascerem em reinos inferiores). Este sofrimento vem do orgulho.
• Ma fecha a porta para o sofrimento de renascer no reino dos deuses guerreiros (sânsc. asuras). O sofrimento dos asuras é a briga constante. Este sofrimento vem da inveja.
• Ni fecha a porta para o sofrimento de renascer no reino humano. O sofrimento dos humanos é o nascimento, a doença, a velhice e a morte. Este sofrimento vem do desejo.
• Pad fecha a porta para o sofrimento de renascer no reino animal. O sofrimento dos animais é o da estupidez, da rapina de um sobre o outro, de ser morto pelos homens para obterem carne, peles, etc; e de ser morto pelas feras por dever. Este sofrimento vem da ignorância.
• Me fecha a porta para o sofrimento de renascer no reino dos fantasmas famintos (sânsc. pretas). O sofrimento dos fantasmas famintos é o da fome e o da sede. Este sofrimento vem da ganância.
• Hum fecha a porta para o sofrimento de renascer no reino do inferno. O sofrimento dos infernos é o calor e o frio. Este sofrimento vem da raiva ou do ódio.